terça-feira, 26 de junho de 2012

Gorro Andino

A Cordilheira dos Andes é uma cadeia de montanhas localizada na costa oeste da América do Sul. Ela está presente no território de sete países Chile, Bolívia, Peru, Equador, Colômbia, Argentina e Venezuela, também conhecidos como países Andinos. É a maior cadeia de montanhas do mundo (em comprimento).

 https://encrypted-tbn2.google.com/images?q=tbn:ANd9GcRYu5DXddAt04hjFXS0i5tLlKIOGuCCviapbJDZCVAdDZlismvmFQ

O clima frio predomina nos Andes e a nevascas em altitudes são muito comuns.

https://encrypted-tbn0.google.com/images?q=tbn:ANd9GcQyLtxS-_TASaeN1wxrQIU4FoQUBrxaDtM5WhOQMbK-MJvg4615qQ

Os habitantes usam vestimentas curiosas e uma delas é o conhecido gorro andino, com abas laterais cobrindo as orelhas para proteger do frio.

 https://encrypted-tbn0.google.com/images?q=tbn:ANd9GcTHTQ_EEj8hEusv26gZyIboddLdy6Dq577HQp3-gyDmKOlYwWHA

Nos Andes, o Chullo (pronúncia espanhola: [tʃuʎo]), é estilo de um chapéu feito de vicunha, alpaca ou lã.

Aqui no Brasil o frio não chega a ser tão intenso, mas gostamos de estar bem protegidos.
Fazemos então os gorros Andinos, usando nosss lãs e adequados para nossas temperaturas.

Para quem gosta de tricotar, aqui está uma receita do GORRO ANDINO

Monte 84 pontos na agulha.
Tricote 2 carreiras em ponto sanfona 1x1.
Quando começar a 3° carreira será o início da orelha direita.

Orelha direita
Tricote 22 pts em barra 1x1 e vire o trabalho. (Os pts restantes ficam a espera na mesma agulha)
Continue assim:
7 pts em barra 1x1, vira o trab.;
9 pts em barra 1x1 ,vira o trab.;
11 pts em barra 1x1, vira o trab.;
13 pts em barra 1x1, vira o trab.;
15 pts em barra 1x1, vira o trab.;
17 pts em barra 1x1, vira o trab.;
19 pts em barra 1x1, vira o trab.;
21 pts em barra 1x1, vira o trab.;
23 pts em barra 1x1, vira o trab.;
25 pts em barra 1x1, vira o trab.;
27 pts em barra 1x1, sobrarão 5 pts que serão tricotados acompanhando os pts. Vire o trab.

Orelha Esquerda
Repita o mesmo procedimento da orelha direita (começando com os 22 pts e terminando com 27 + 5 pts). Vire o trab. e comece o gorro. 
Continue tricotando acompanhando os pts até completar um total de 7 carr. a contar do início na frente do trab.
8° carr. diminua um total de 6 pts distribuindo ao longo da carr.
9° carr. passe para o pt meia.
Tricote 30 carr. de pt meia
(para um gorro maior, aumente a quantidade de carreiras).
Faça as diminuições nas 5 carr. seguintes:
1º carr: 1 m, 2 m jts., por toda a carr.;
2º carr: todo em t.;
3º carr: 1 m, 2m jts., por toda a carreira;
4º carr: toda em t.;
5º carr: 2m jts.

Arremate:
Corte a lã em tamanho suficiente para passar por dentro dos pontos que restaram na agulha. Puxe firme e amarre; com essa mesma lã costure toda a lateral do gorro.

Acabamento:
Se desejar faça um pompom para ser costurado na parte superior do gorro e duas tranças que serão presas onde formaram as orelhinhas, para fechar o gorro.

 

Se desejar que o gorro fique mais justo na cabeça, diminua os pontos uniformemente (mais ou menos 6 pontos por carreira), logo após o término da sanfona.


Esses foram feitos para duas gêmeas que, embora pequenas, já sabem o que querem: cada uma delas escolheu a cor preferida.




2 comentários:

Maria Teresa disse...

Esse blog é demais pois além de coisas lindas tem cultura.
Realmente esse gorrinho deve aquecer os pimpolhos.
Bjo

beth trico e croche disse...

lindas coisas aqui.adorei . obrigado por partilhar a receita. otima semana