segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

Manta LAVOISIER

Lavoisier, um francês, é considerado o criador da química moderna.
Célebre por seus estudos sobre a conservação da matéria, foi mais tarde imortalizado pela frase popular: "Na natureza nada se perde, nada se cria, tudo se transforma".


E no tricô, conseguimos aplicar a lei de Lavoisier?
Olha que dá, heim?
A gente vai recebendo doações de lãs de todas as cores, espessuras, tipos, quantidades... poucas são novinhas, algumas só restinhos e outras já tricotadas (... e a gente precisa desmanchar e até lavar...)
E parodiando Lavoisier, no tricô, nada se perde, sempre se cria e muito se transforma.
Separei algumas lãs mais grossas, de várias cores.


Com elas iniciei uma manta tendo como base o quadrado perfeito.
Trabalhe com um número ímpar de pontos. No meu caso eu montei 27 pontos.

1ª carr e todas as ímpares: tricô
2ª carr: 12t 3pjt 12t
4º carr: 11t 3pjt 11t
6ªcarr: 10t 3pjt 10t
Vá tricotando dessa maneira até restarem 3 pontos na agulha.
Arremate. O quadrado perfeito está pronto!


O 2º quadrado, bem como os demais, são feitos aproveitando os pontos do quadrado anterior.
No endereço http://feitoamao.typepad.com/montricot/2007/09/tric-modular.html você encontra uma ótima explicação de como fazer isso.
E assim vamos montando uma manta toda colorida, sem necessidade de costurar um quadro no outro. Só precisa caprichar no arremate de todas as lãs que iniciam e terminam cada quadrado.


Esta manta, bem quentinha e alegre, será minha primeira doação de 2012 para os enxovaizinhos dos bebês que são aguardados com tanta alegria.



3 comentários:

Maria Teresa disse...

Olá, estava com saudades do (nosso)blog...
Que bom que vc voltou!!!
Agora é trabalhar e produzir assim os seus bebês ficarão quentinhos quando o inverno chegar.
Bjsss
Teresa.

Amanda disse...

Pode fazer bastante propaganda dessa mantinha gostosa!
Mas, ela é minha, hihihihi!
Ficou linda!
Beijoka

Marisa Santos MapSantos disse...

Ha ha. Deveria ter esperado pra postar o comentário das sobrinhas, rsrsrs.
Adorei o nome.
Mais uma idéia pra minha "coleção de sobrinhas", rsrsrs.
Linda.
Marisa.